Frangos
746
page-template,page-template-full_width,page-template-full_width-php,page,page-id-746,bridge-core-2.3.2,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-21.8,qode-theme-bridge,disabled_footer_bottom,wpb-js-composer js-comp-ver-6.2.0,vc_responsive,elementor-default
 

Frangos

  • Parte inferior das aves, as coxas e sobrecoxas são carnes muito saborosas e devem ser deixadas em vinha-d’alho para agregar mais sabor. Podem ser preparadas assadas, ensopadas, grelhadas, desossadas com pele e sem pele, recheadas e enroladas.

  • Tradicional e com bom custo-benefício, o filé de frango é um corte macio, retirado do peito do frango, e quase não possui gordura. É rico em proteínas e fica muito gostoso na chapa ou frigideira, temperado com sal, pimenta e ervas.

  • Uma das carnes mais consumidas pelos brasileiros, o frango inteiro é de rápido preparo, rico em proteínas e extremamente saboroso. Vai muito bem acompanhado de batatas e farofa.

  • Podendo ser desossado, o galeto é um frango novo que se prepara assado no espeto. Também vai bem com farofa e batatas.

  • É o peito de frango dessossado, aberto e batido bem fino. Para quem está de dieta ou gosta de carnes mais leves, o paillard fica uma delícia acompanhado de uma salada de rúcula e tomate.

  • O peito de frango pode ser comprado com osso ou desossado – neste caso podemos fazer os filés, os supremos, o frango Kiev (com a coxa da asa), estrogonofe (tiras), fricassês e uma infinidade de pratos.

whatsapp
Faça o seu pedido pelo WhatsApp
e receba em casa ou no seu restaurante.